“Jogar com a concentração nos limites” – José Mota

Categorias: Futebol


20130921-171740.jpg

“O Vitória tem que ser igual a si próprio, sabemos quais são as nossas responsabilidades neste jogo e não vamos adulterar a identidade da nossa equipa em função do adversário do próximo jogo. Reconhecemos valor ao nosso adversário pelo que tem feito no campeonato e pela qualidade que tem evidenciado, no entanto, temos trabalhado no sentido de identificar os pontos fortes e os pontos fracos do Sporting e com responsabilidade, determinação e concentração vamos tentar explorar esses aspectos”, referiu José Mota em conferência de imprensa realizada na manhã de quinta-feira.

O treinador de 49 anos reforçou a ideia de que “temos que jogar nos limites da nossa concentração porque, realmente, vamos defrontar um adversário muito forte e que, inclusivé, tem o melhor ataque e o melhor marcador da prova. Por isso, só uma equipa equilibrada emocionalmente e com uma forte motivação consegue chegar a Alvalade e impor o seu futebol, estou certo que se conseguirmos fazer isso vamos criar dificuldades ao nosso oponente. Não temos medo, não temos receio, temos, sim, de ter algumas cautelas e tentar anular as qualidades que o nosso adversário tem demonstrado”.

Questionado sobre o facto do Sporting ter demonstrado algumas dificuldades nos jogos em casa, o treinador constatou “é um facto que o Sporting tem dois empates em casa, fora conseguiu sempre as vitórias, isso diz-nos que o nosso adversário gosta de ter espaço na sua zona mais ofensiva e sair em transições rápidas para o ataque, são situações em que temos que estar precavidos e ser inteligentes na forma de as explorar”.

Vitória FC e Sporting CP têm encontro marcado para o próximo sábado, dia 05/10, pelas 20:15H, no Estádio José Alvalade, em partida referente à 7.ª jornada da Liga Zon Sagres, encontro que vai ser dirigido pelo árbitro lisboeta, Duarte Gomes.

 



Deixe o seu comentário

Necessita de ter a sua sessão ligada para poder comentar.