“É um jogo de 50/50”, José Couceiro

Categorias: Futebol


JC02

Após o treino matinal desta sexta-feira e antes da viagem até ao norte do País, José Couceiro, treinador do Vitória FC, fez a antevisão do jogo de amanhã e revelou que apesar do histórico do Vitória, em Vila do Conde, não ser muito positivo esse facto “não vai afectar psicologicamente a equipa. Tem sido um estádio difícil mas isso não nos vai perturbar. É um jogo a eliminar, sabemos que é um jogo complicado mas em termos de probabilidades é um jogo de 50/50. O Vitória tem muita tradição na competição e nós somos ambiciosos, logo, o nosso objectivo é passar esta eliminatória”, sublinhou.

Relativamente às alterações que, forçosamente, terá que efectuar fruto da saída de Ruben Vezo para o Valência e do castigo aplicado a Nélson Pedroso, o timoneiro sadino revelou-se muito tranquilo e referiu “o Venâncio já actuou na Madeira e tanto ele como a equipa fizeram um bom jogo, portanto estou perfeitamente tranquilo. Quanto ao Kiko posso dizer-vos que vai jogar e sei que tem capacidade e qualidade para cumprir a sua função. Certamente que irá estar bem no jogo. São dois jovens jogadores formados no Vitória, que têm, ambos, qualidade suficiente para poder jogar e este facto também deverá ser realçado”, afirmou confiante.

Sobre a actualidade Vitoriana e com a habitual frontalidade com que aborda todos os assuntos, o treinador do Vitória não se imiscuiu de tecer o seguinte comentário: “aproveito para lembrar que devemos estar todos unidos porque os tempos não vão ser fáceis, a situação não é fácil. Na minha opinião, neste momento não tem qualquer tipo de interesse haver divisões no seio do Vitória Futebol Clube. Devemos estar unidos para passarmos os próximos tempos que são cruciais com a tranquilidade que se exige”, referiu.

A partir das 17:00H de sábado, Rio Ave e Vitória FC discutem, em Vila do Conde, a qualificação para os 1/4 de final da Taça de Portugal.

 



Deixe o seu comentário

Necessita de ter a sua sessão ligada para poder comentar.