Semedo, Berto e Mano proporcionam tarde especial a dezenas de crianças

Sub-15: Rodrigo Grenha novamente chamado à Seleção
20 Fevereiro, 2020
Artur Jorge: “Vamos a Braga com esperança de conseguir um bom resultado”
21 Fevereiro, 2020

Semedo, Berto e Mano proporcionam tarde especial a dezenas de crianças

José Semedo, Berto e Mano proporcionaram uma tarde especial aos alunos da Escola Barbosa du Bocage, em Setúbal, esta quinta-feira. Os três jogadores foram convidados a participarem nas comemorações do 50.º aniversário da Associação Caboverdeana de Lisboa e a transmitirem as suas experiências às crianças.

Recebidos em apoteose, os craques puderam sentir desde o primeiro momento o enorme carinho e admiração de quem os tem como ídolos e vive cada dia repleto de sonhos. A cidadania, a igualdade e a união foram os principais temas de uma conversa que captou as atenções gerou (muitas) curiosidades.

Assumindo o papel de capitão também fora das quatro linhas, Semedo começou por recordar os tempos em que se encontrava do outro lado do auditório, sentado na plateia, a ouvir conselhos e a recolher conhecimentos, sempre com o objetivo bem definido: ser jogador profissional de futebol.

Até o conseguir, o médio sadino muito teve de batalhar, tal como Mano e Berto, que partilharam também as dificuldades que os seus pais tiveram de superar para conseguirem dar-lhes uma vida que lhes permitisse manter vivos os respetivos sonhos.

A formação, o espírito de sacrifício e a capacidade de trabalho sustentaram o caminho árduo de cada um até ao sucesso e foi precisamente essa mensagem que ambos fizeram questão de deixar no final da palestra.

Depois de muitas fotografias e inúmeros autógrafos, Semedo, Berto e Mano despediram-se dos alunos da forma que melhor sabem. Num dos campos de relvado sintético da escola, os três participaram num mini-jogo de futebol, onde foi possível descobrir… muito talento. O delírio foi, uma vez mais, indescritível. Um dia, portanto, ‘à Vitória’!

Os comentários estão fechados.

P