Comunicado

Informação Assembleia Geral
23 Dezembro, 2021
Plano de combate / prevenção de apostas ilegais e match fixing
27 Dezembro, 2021

Comunicado

Caras/os Associadas/os,

Com vista a uma mais profícua discussão e mais consciente votação do Ponto 4 da Ordem de Trabalhos da Assembleia Geral que se realizará na próxima segunda-feira (27.12.2021), vem a Mesa da Assembleia Geral dar a conhecer a Proposta da Direcção para o aumento da quotização:

«Estatutariamente, as quotas a pagar pelos sócios do VFC são fixadas em função dos lugares a ocupar no Estádio (artigo 14.º dos Estatutos).

Considerando que esta previsão não corresponde hoje à realidade que a motivou, pretende a Direcção do Vitória submeter à discussão a criação de uma quota única, ainda que diferenciada em função da idade e condição dos sócios (sócios jovens, sócios atletas, sócios estudantes, sócios seniores, entre outros).

Esta mudança, permitirá uma maior equidade entre todos os sócios e um adequado processo de venda de bilhetes nos diversos sectores do Estádio do Bonfim, mantendo a comercialização dos Lugares Cativos, Bilhetes de Época, etc…

Contudo, uma vez que a concretização desta pretensão consubstancia uma alteração estatutária, apenas poderá ser discutida aquando da prevista revisão dos estatutos, a ser levada a cabo no primeiro trimestre do próximo ano (2022).

Entretanto, não podemos ignorar que a quotização que tem vindo a ser cobrada contabiliza uma quota extra aprovada em Assembleia Geral, que deveria vigorar de forma transitória.

Ora, pese embora ter-se já esgotado o prazo inicialmente previsto para o efeito, impondo-se a regularização da situação, todos reconhecemos que a actual situação financeira do Vitória Futebol Clube não permite prescindir-se desse valor.

Assim, vem a Direcção do VFC propor que a quota-extra, no valor de € 1,50 e que foi definida em Assembleia Geral para vigorar durante três anos, se torne definitiva, passando a integrar o valor da quotização ordinária.

Esta proposta, que na prática não corresponde a qualquer aumento do valor a despender pelos associados, implica – em termos formais – um aumento da quotização, tendo por isso de ser aprovada como tal em Assembleia Geral, o que se coloca à consideração de todos os associados.

O Presidente da Direcção do VFC,
Carlos Silva»

Os comentários estão fechados.